Voltar
Publicado por Vinicius Silva

Probabilidade de inflação estourar teto da meta é de 90%, diz BC

A probabilidade de o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) estourar o teto da meta de 6,5% estabelecida pelo governo em 2015 é de 90%, em 2015, e de 12% para 2016. As informações foram contabilizadas pelo Banco Central (BC) e divulgadas no Relatório Trimestral de Inflação (RTI) do quarto trimestre.

No relatório do quatro trimestre, a probabilidade de não cumprimento da meta era de 37% em 2015 e 15% em 2016.

Pelo regime de metas para a inflação, o BC tem de perseguir uma inflação de 4,5%, mas conta com um limite de tolerância de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Caso o estouro da meta aconteça com o IPCA acima de 6,5%, o presidente do BC é obrigado a escrever uma carta aberta ao ministro da Fazenda, explicando os motivos que levaram ao não cumprimento da meta.

O cenário de referência considerado pelo BC é da Selic em 12,75% e taxa de câmbio de R$ 3,15 ao longo de todo o horizonte de previsão.

Apesar do cenário de inflação alta, o investidor pode procurar rendimentos em produtos que rendem junto com a inflação e lucrar com esse momento. Outro ponto importante é o ganho real do investimento, com a inflação alta deve se exigir mais dos seus investimentos para superá-la.

Por isso a importância de ter um profissional auxiliando com seus investimentos. Conte com nossos consultores para lhe ajudar a mostrar o diferencial que o Grupo Azimut pode fazer para seus investimentos.

2012 - 2018 © MEDUNIVERSE - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS